Pequenos vícios

19 07 2009

Você já ficou sem algo? E logo após isso acontecer, você se viu incomodado? Foi assim que me vi, durante estes dias.internet

Que coisa!?

Nós humanóides somos tão engraçados, não queremos apegar, mas nos apegamos, queremos odiar amando, e somos felizes sofrendo. Vai entender o funcionamento da máquina humana.

Ficar sem beber água, sem chinelos, sem pentear o cabelo, sem lavar a cabeça, andar falando com Deus, colocar nome nos objetos, conversar com livros. Isso tudo não me incomoda, pelo menos não muito, na verdade são pequenos prazeres diários. Porém ficar sem internet, sem meu blog que precisava muito de atenção, carinho e um post, seu meu twitter pra falar asneiras e sem minhas janelas (virtuais) para o mundo, me incomodou imensamente.

Como pode algo assim fazer tanta falta?

Tenho certeza que há muitas pessoas assim, que ficam meio desnorteadas quando estão ausentes da sociedade virtual e que também, assim como eu, não sabe exatamente explicar o porquê sentar a frente de um monitor é tão agradável.

internet2O fato é que faz parte da vida e se tornou imprescindível como o celular, como disse uma vez minha professora Patty em sala, “o celular é quase um membro do nosso corpo”… O computador então virou o que? Na verdade não o computador, o conjunto, computador e internet, pois um sem o outro pra mim não tem grande função e nem me satisfaz.

Navegar é preciso, quase uma obrigação e certamente um prazer, quem quiser dizer e acreditar no contrário fique a vontade. Eu adoro ser do contra, também. Às vezes.

Anúncios

Ações

Information

4 responses

24 07 2009
Natasha

Eu sou, loucamente, viciada em internet. Assumo.
Entro em crise de abstinência por pouco tempo off.
É duro, muito duro.
hehe

beijão!

29 08 2009
rodrigovr

E desde quando se relacionar com o mundo e com as pessoas é vício?

Se isso for vício, viva o vício!

O que vc sente falta não é de um vício, mas das relações que constrói na rede e das infinitas possibilidades de trocar com o mundo e com as outras pessoas!

Os que apontam a internet como um vício não tem a mínima idéia do que estão falando. Não sabem que a internet é um telefone ampliado que nos permite encontrar conhecidos e desconhecidos que deveríamos conhecer.

Um espaço onde podemos ser quem quisermos e nos mostrarmos como somos exatamente porque somos livres. Aqui encontramos gente iguais a nós que nunca encontraríamos se apenas descêssemos à rua para passear. Aqui temos mais chance de descobrir e alimentar relações pessoais que jamais teríamos contato se dependêssemos apenas dos nossos pés e da nossa limitada visão.

Se encontrar e conhecer pessoas ou conversar com elas descobrindo coisas em comum é vício… prendam-me pois sou um viciado!

Ficar em off é o mesmo que ficar preso, confinado e proibido de se relacionar com a sociedade…

Pense nisso e reavalie seus sentimentos quanto a essa tecnologia!

O semestre acaba mas a aula continua!
Bjos

4 09 2009
Vinicius Ferreira

Hum… O vício não é dado a um objeto em sí, a não ser que alguem não consiga parar de usa-lo. Vício é quase sempre negativo, te atrapalha a produzir, te atrapalha a viver.

Mas como o Rodrigo disse (e disse muito), não vejo a internet como um vício. O uso desenfreado é ruim, o exagero é ruim. Tipo o veneno, pode ser ruim, mas na dose certa pode salvar, rss…

A questão é o controle.

4 09 2009
thallyta

Amigos (zé e rodrigo)

Quando afirmo que a internet é um pequeno vicio, a enquadro nos pequenos prazeres diários, como os outros ditos no post. Na verdade o significado que se refere a vício no meu post é o de necessidade, prazer e não o significado negativo.
Acredito sim, que ela contribui e muito e que nós contribuimos tmb.
O meu intuito foi de nomear o post sem na verdade exaltar mas realmente confundir, é vício sim, mas é bom, e se for vício pq ser ruim. A palavra não pode fugir de seu significado? nós podemos reconstrui-las?
Agora admito que não devo ter feito bem, por deixa-los confusos em relação ao post.
Quando falo dela como vicio tambem, me refiro a Tv, pois é vicio p/ muitos ver a tal novelinha ou o tal super Pop, mas neste caso o vício é anestesiante, atinge os sentidos, ou você “gosta”, a maioria da população, ou vc odeia, nós da web. Porém a tv é aquilo ali, vício que nos prende no sofá qndo nos alimentamos na mesa da sala, ou qndo nos reunimos com a familia, e a programação, ou doses de tóxicos, é pré selecionada, para melhor controle, no caso da web não.
Os vicios são diferentes e seus significados tmb…
E há outra coisa q me incomoda, p/ todos os outros meios o excesso de vida na web é vício ou doença, há sempre noticias, pesquisas, publicações dizendo isso, um boicote covarde p/ os tradicionais que não aguentam ver a web crescer.
Enfim os significados são tantos, tenho que me policiar p/ não falar asneiras ou exageros. Espero ter sanado as duvidas de todos. ou pelo menos ter alimentado mais delas.
Vlw pela visita, dá próxima vmaos marcar um café no twitter ok. Abraço, o útimo, por favor fecha a porta?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: